domingo, 5 de agosto de 2018

Marketing e Objetividade.

Em primeiro lugar, após terminar de escrever este post prometo que vou no blog de cada um de vocês, meus queridos amigos remanescentes da blogosfera. Não para que comentem este texto, mas porque acho que não retribuí todos os comentários dos posts anteriores, o que foi uma grande indelicadeza de minha parte e peço perdão se deixei alguém no vácuo. Ultimamente só recebo comentários de pessoas queridas por aqui, graças a Deus.

Agora, muito provavelmente vocês estão esperando o "segundo lugar", mas na verdade vou entrar no assunto do post mesmo, o paragrafo acima era mais uma nota introdutória. Então, hoje vim contar sobre a bola de neve que me enfiei nos últimos meses e que tem atrapalhado muito minha produção literária.

Há alguns poucos anos, fiz um cursinho de marketing para autores. Na época eu fiquei meio frustrada porque grande parte da informação era meio óbvia, mas mesmo assim resolvi tentar seguir a cartilha dos professores. Fiz página no facebook, fiz este blog, conta no wattpad e estava me esforçando para colocar conteúdo com uma boa frequência por lá. Achei que iria conseguir colocar tudo nos eixos mas me enganei redondamente.

A primeira decepção foi o Wattpad. É verdade que  muitos autores são descobertos lá, mas a quantidade de histórias mirabolantes e sem estrutura nenhuma desestimula. Até porque, para formar seu público você tem que ler e comentar as histórias dos outros o que certas vezes pode ser um grande sacrifício. Não é culpa dos escritores, eu sei, ainda temos poucos cursos de escrita criativa gratuitos e a nossa educação é deficiente, mas cheguei a conclusão de que não vou mais usar essa ferramenta. Além de tudo, é um risco colocar histórias lá e se expor ao plágio ( isso é o que mais me preocupa, na verdade).

Depois, fui percebebdo que manter a minha página do facebook atrativa diariamente era impossível. Criei algumas memes e tentei colocar umas frases de efeito, mas fui percebendo que estava direcionando minha criatividade toda pra isso e não estava conseguindo escrever uma linha de conto. Foi aí que entrei num período de "dane-se!" e acabei abandonando tudo, inclusive este blog. Mal posso expressar em quão fecundas minhas ideias se tornaram. Estou com vontade de escrever tantas histórias diferentes que não tenho nem dedos para fazê-las.

Por fim, acho que as minhas redes sociais não vão me ajudar a aparecer. É o contrário, quando eu for digna de ser vista, a página do face, este blog e o meu instagram é que vão bombar. Desculpem vocês pessoas objetivas e marqueteiras que elaboram estratégias mirabolantes de fazer jabás, mas isso é um troço escravizante que não dá muito resultado por si só. Então, eu acho que o caminho do escritor é procurar se lapidar e ser criativo. Vá movimentando sua página do facebook, conhecendo outros escritores, participando de concursos e eventos literários que uma hora você vai se dar bem. Tenha fé e não pare de produzir!

Aleska Lemos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publiquei um ebook na Amazon.

Oi pessoal da blogosfera! Ando um pouco relapsa com o blog né? Pois é, mas as notícias são boas: estou fazendo uma nova graduação (e es...